Pilares da educação conceito: quais são, significado e desenvolvimento do estudante

MOVPLAN_Pilares-da-educação-conceito

A preocupação com a educação vai além das disciplinas que passam conhecimento sobre história, filosofia, ciências, matemática ou geografia. Afinal, o desenvolvimento dos estudantes também deve ser voltado para a formação de cidadãos.

Continue a leitura para conhecer os “pilares da educação conceito” da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e de Edgar Morin, antropólogo, sociólogo e filósofo francês. Além disso, entenda o que prevê a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e como as tecnologias podem ser alinhadas com os “pilares da educação conceito”.

Pilares da educação conceito

Os “pilares da educação conceito” são fundamentos para a educação descritas pelo político e ex-presidente da União Europeia, Jacques Delors, presentes no relatório “Educação: um tesouro a descobrir” da Unesco.

Além disso, há os sete “pilares da educação conceito” de Edgar Morin, que foi antropólogo, sociólogo e filósofo francês. Os fundamentos dos “pilares da educação conceito” estão descritos no livro ‘Os sete saberes necessários para a educação’

Pilares da educação conceito: 4 pilares da UNESCO

Se você busca por “pilares da educação conceito”, precisa conhecer os 4 pilares da UNESCO que estão no relatório “Educação: um tesouro a descobrir” criado na década de 1990 e que pauta as atividades de ensino. Além disso, o documento foi organizado pelo político e ex-presidente da União Europeia, Jacques Delors.

É importante destacar ainda que os “pilares da educação conceito” da UNESCO contribuem para o desenvolvimento dos estudantes em cidadãos completos para a vida em sociedade. Confira quais são os “pilares da educação conceito”:

·         Aprender a conhecer: o relatório propõe o desenvolvimento do aluno para compreender e construir o conhecimento. Isso significa incentivar o protagonismo dos estudantes como despertar da curiosidade e a busca por aprendizado. Dessa forma, esse pilar pode contar com recursos tecnológicos que ajudarão na construção do conhecimento.

·         Aprender a fazer: mãos na massa! É isso que o fundamento dos “pilares da educação conceito” propõe ao incentivar os estudantes ao conhecimento que pode ser aplicado na prática. Seja na solução de problemas e pensamento crítico ou até em habilidades no uso de recursos tecnológicos, como as ferramentas de documento e apresentação do Google.

·         Aprender a viver com os outros: vivemos em sociedade e saber conviver é um aprendizado aplicado em todos os aspectos da nossa vida. Dessa forma, o terceiro fundamento dos “pilares da educação conceito” aponta características como: comunicação sem violência, abertura para a diversidade, tolerância, empatia, etc.

·         Aprender a ser: o documento ainda propõe a formação completa do indivíduo para a autonomia e senso crítico. Sendo assim, o estudante constrói a capacidade de agir a partir de valores.

Os “4 pilares da educação conceito” da UNESCO abordam a formação integral dos estudantes e atualmente são referência para pautar instituições de ensino. Se você deseja ler mais sobre o assunto, clique neste link.

Pilares da educação conceito:
7 pilares de Edgar Morin

Conhecido como “os sete saberes do francês Edgar Morin”, os “sete pilares da educação conceito” estão descritos no livro ‘Os sete saberes necessários para a educação’. Confira quais são:

  • As cegueiras do conhecimento: ao erro e a ilusão – o autor aborda a realidade da possibilidade do erro e propõe que a educação reaja à cegueira e às ilusões do conhecimento.
  • Os princípios do conhecimento pertinente: promover a integração do conhecimento nas diversas áreas, estimulando a criatividade e explorando as formas multidisciplinar, global e interdisciplinar.
  • Ensinar a condição humana: o autor propõe a abordagem integral do ser humano, abordando a complexidade do indivíduo de forma didática e interligando disciplinas.
  • Ensinar a identidade terrena: promover o conhecimento da origem e história das civilizações.
  • Enfrentar as incertezas: o autor propõe o ensinamento da possibilidade das incertezas e imprevisibilidade da vida.
  • Ensinar a compreensão: estimular a compreensão na comunicação humana.
  • A ética do gênero humano: o autor propõe o ensino da ética com noções de vivência em comunidade.

Base Nacional Comum Curricular:
o que prevê e quais são as competências

Se você busca por “pilares da educação conceito” também precisa conhecer a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), um documento que define o conjunto de aprendizagens para todos os alunos do Ensino Infantil ao Médio.

O material aponta 10 competências para o desenvolvimento do estudante, como: 

  1. Conhecimento; 
  2. Pensamento científico, crítico e criativo; 
  3. Repertório cultural;
  4. Comunicação;
  5. Cultura digital; 
  6. Responsabilidade e cidadania;
  7. Empatia e cooperação; 
  8. Autoconhecimento e autocuidado; 
  9. Argumentação e trabalho;
  10. Projeto de vida.

Pilares da educação conceito: tecnologia, atividades e desenvolvimento do estudante

blended_learning_ensino_hibrido_movplan

Os “pilares da educação conceito” estão intimamente ligados aos benefícios da tecnologia para o desenvolvimento do estudante. Por exemplo, a tecnologia é uma ferramenta para promover a curiosidade e autonomia dos estudantes; é uma fonte de conhecimento prático e aplicável; e ainda abre horizontes para a diversidade com a proximidade com diferentes culturas.

Além dos “pilares da educação conceito”, os especialistas já fazem previsão para o ambiente escolar em 2030. Entre as principais mudanças está a inserção da tecnologia e a personalização do aprendizado, como aponta a pesquisa da World Innovation Summit for Education (Wise) da Fundação Catar.

O relatório, que contou com 645 especialistas, foi realizado em junho de 2014, e aponta todas as mudanças necessárias para o avanço da educação. Confira quais são:

  • Inovação: 93% dos especialistas entrevistados citaram a inovação social, tecnológica e pedagógica para a melhoria da educação e, consequentemente, do processo de aprendizagem e desenvolvimento dos estudantes.
  • Plataformas online: 43% dos especialistas entrevistados apontam que o futuro terá novas plataformas no meio digital para unir o ensino presencial e online.
  • Personalização: 83% dos especialistas entrevistados citaram como característica do futuro a personalização do conteúdo dos estudantes no processo de construção do conhecimento.

Descubra os benefícios da tecnologia
para o desenvolvimento

Nos “pilares da educação conceito” é abordada a busca pelo aprendizado por parte dos estudantes. Com a tecnologia, é possível ver benefícios quanto ao engajamento com o uso de ferramentas inovadoras. Na prática, o professor pode ser um curador de conteúdo e o aluno desenvolver a capacidade de buscar informação para a construir o conhecimento. Ou seja, o estudante pode usar o próprio Google para pesquisar vídeos, notícias, artigos e até imagens.

Oferecendo essa autonomia aos alunos, eles estarão suscetíveis a conhecer outras realidades e lidar com a diversidade nas relações humanas. Isso significa conhecer como vivem as pessoas de diferentes culturas, a opinião de diversos especialistas e a arte através de músicas, filmes e séries.

Além disso, as instituições de ensino podem desenvolver atividades diversas para estimular a retenção de conteúdo que vão desde ler livros e ouvir a explicação dos professores, até a experimentar a prática e ensinar o que aprendeu.

Pilares da educação conceito: quais tecnologias usar?

lousa-digital-touchpro-movplan

É importante ter tecnologias previstas no plano de ensino de cada turma para conseguir criar ações integradas e alinhadas com os objetivos de ensino e com os “pilares da educação conceito”.

Confira soluções tecnológicas que podem ser inseridas por instituições que buscam aplicar os “pilares da educação conceito”:

Ambiente de Avaliação Virtual (AVA): uma das soluções tecnológicas disponíveis para o setor educacional é a criação de uma sala de aula virtual, é possível explorar os “pilares da educação conceito” com o incentivo à busca pelo conhecimento com atividades voltadas para o debate e produção colaborativa.

Lousa Digital da MOVPLAN: uma lousa digital com tecnologia touchscreen, acesso à internet e com o exclusivo Software Educacional QUADRIBOOK. É possível explorar os “pilares da educação conceito” por a ferramenta ser uma fonte inesgotável de informações.

Software Educacional QUADRIBOOK: o Software Educacional QUADRIBOOK foi desenvolvido pela MOVPLAN com 18 funcionalidades, como: ferramentas de escrita, desenho, gráficos, matemática, apresentações, captura de imagem, reconhecimento de escrita, bloqueio do touchscreen e vídeo player. É possível explorar os “pilares da educação conceito” através dessas ferramentas que estimulam o engajamento e interesse dos alunos para o conhecimento.

Lousa QuadriLine TouchPro da MOVPLAN: a Lousa QuadriLine TouchPro foi desenvolvida para quem quer ter o melhor dos dois mundos, já que une a lousa branca e a digital. É possível explorar os “pilares da educação conceito” unindo tecnologia e inovação sem perder os métodos tradicionais de ensino.

Gabinete de Recarga Charge Mate da MOVPLAN: os Gabinetes de Recarga Charge Mate permitem transportar, organizar e armazenar devices com segurança. É possível explorar os “pilares da educação conceito” com o uso de notebooks e tablets para contribuir com o protagonismo e autonomia dos estudantes no estímulo pela curiosidade e vontade de aprender.

Conheça a MOVPLAN

A empresa brasileira MOVPLAN nasceu com o objetivo de desenvolver soluções tecnológicas focadas para a educação, ou seja, no desenvolvimento de inovações que potencializam o trabalho dos professores e o aprendizado dos alunos.

Com mais de 20 anos de trajetória, a empresa busca transformar o ambiente educacional, promovendo a inclusão digital e favorecendo o desenvolvimento dos alunos com os fundamentos previstos nos “pilares da educação conceito”.

Sendo assim, a marca está presente em mais de 21 mil salas de aula em toda a América Latina. Entre os clientes que fazem parte do portfólio MOVPLAN estão: COC by Pearson; Senac; Rede Salesiana; Liceu Albert Sabin; Barão de Mauá; Grupo Marista; Avenues São Paulo; Cólegio GEO; Skill; FAAP; Colégio Ágape; Colégio Santo Agostinho; Colégio Queiroz Brunelli; Colégio Sagrado Coração; FAMP (Faculdade Morgana Potrich); Unipar; UniToledo; e Grupo SEB.

Você deseja alinhar tecnologia aos “pilares da educação conceito”? Temos uma equipe capacitada para te ajudar a encontrar a melhor solução de ensino alinhada com os “pilares da educação conceito”. 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Receba nossos artigos por email